Será que duas pessoas que recebem o mesmo salário podem ter o mesmo padrão de vida?

padrão de vida

Muita gente define o seu padrão de vida considerando apenas os números, as cifras, sem considerar algumas particularidades, e isso é um erro.

Vamos observar um exemplo: duas pessoas trabalham numa mesma empresa e recebem o mesmo salário, de R$ 4.000,00. Uma delas é solteira, mora com os pais e não tem filhos. Então essa pessoa resolve comprar um carro novo e que compromete 1/3 da sua renda, aproximadamente R$ 1.334,00, fora que compra muitas roupas, vai sempre pras baladas e shows. A outra pessoa, vendo isso tudo, entende que como recebe o mesmo salário, também pode fazer os mesmos gastos e viver no mesmo padrão de consumo, acontece que ela é casada, tem um filho e mora de aluguel.

Então, mesmo que receba a mesma remuneração do companheiro de trabalho, não vai poder comprometer 1/3 do salário na compra de um carro e nem poder gastar tanto com roupas novas e baladas, pois se cair nessa tentação, em muito pouco tempo estará quebrado, falido. Não estou dizendo aqui que essa segunda pessoa não possa comprar um carro novo, ela pode sim, mas terá que rever todo o seu planejamento financeiro para poder fazer essa compra, pois o planejamento financeiro dela é completamente diferente da primeira pessoa.

Com esse exemplo podemos ver que não é apenas o quanto você recebe que vai definir o seu padrão de vida, mas sim o quanto o seu consumo vai afetar, positivamente ou negativamente, a sua vida financeira. Podemos concluir que viver um padrão de vida, um pouco inferior, ao que o seu salário permite é a saída para um futuro próspero, e isso também depende de você conseguir manter uma reserva financeira, pois os imprevistos acontecem com todos.

3 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *